skip to Main Content

10 brinquedos feitos com material reciclável para curtir nas férias

As férias de julho estão na reta final. Mas, mesmo que daqui a alguns dias nossas aulas on-line estejam de volta, ainda é tempo de aproveitar esse período para brincar muito! Sabemos que encontrar tantas brincadeiras diferentes para divertir as crianças ao longo desses 30 dias sem nem poder sair de casa é um grande desafio, mas não se preocupe! Preparamos uma lista com 10 brinquedos super divertidos que você pode fazer no conforto do lar apenas com materiais recicláveis fáceis de conseguir e simples de construir. E não se esqueça de chamar os pequenos para participar da construção, afinal, o próprio processo de criação já é uma ótima diversão! 

Zoológico de papel higiênico

Como estamos todos em casa, infelizmente não podemos levar as crianças para conhecer todos os animais incríveis que encontramos no zoológico. Então, que tal fazer seu próprio zoológico com rolos de papel higiênico? Para a base, você vai precisar apenas de um rolinho de papelão usado. Para a decoração, você pode pintar o material com tinta guache ou cobri-lo utilizando recortes de papéis coloridos. De resto, é só usar a criatividade! Bolinhas de papel podem virar olhos, tampinhas podem virar patas, palitos de sorvete podem virar braços e fitas coloridas podem virar pelos, penas ou rabo! E assim, você pode criar uma grande “fauna” mesmo na sala de casa.

Telefone de lata

Quem nunca viu um desses na televisão? Os telefones de lata são brinquedos super populares e fazem muito sucesso nos filmes e desenhos. Com eles, duas pessoas podem se comunicar à distância como se usassem telefones ligados por um fio. Para isso, você vai precisar de um barbante e duas latas de metal, como as de leite condensado, usadas e, claro, vazias e higienizadas. Se não tiver nenhuma lata usada, aproveite para fazer um doce para a família ou, se preferir, use copos de plástico. Primeiro, faça um pequeno furo na base de cada lata (ou copo), bem pequeno, o suficiente apenas para passar o barbante. Depois, dê um nó na linha ou amarre à um palito de dente ou lacre de refrigerante, para que o barbante não escape de dentro da lata na hora de esticar. Repita o processo para as duas latas, conectando-as com a mesma linha. Depois, é só tomar distância, deixar a linha esticada e começar a conversar!

Bilboquê de garrafa pet

O bilboquê é um brinquedo bem antigo, que diverte a criançada em diversas gerações. A brincadeira consiste em balançar o brinquedo para que a bolinha, amarrada na base, se encaixe no brinquedo. Para a nossa versão reciclável, você vai precisar apenas de uma garrafa pet e de um barbante. Primeiro, limpe a garrafa para remover os resíduos e recorte a garrafa na altura do gargalo, para que fique em formato similar à uma taça. Depois, retire a tampinha e amarre-a à com um barbante, prendendo a outra ponta na boca da garrafa. Lembre-se de usar uma linha comprida o suficiente para que a tampinha alcance a boca da garrafa na hora de brincar. Você pode decorar o seu bilboquê da maneira que preferir, com tintas, fitas diferentes, papéis ou qualquer coisa que deixe a brincadeira mais bonita e colorida!

Jogo das centenas, dezenas e unidades

Que tal ajudar os pequenos a aprenderem a contar? Com esse jogo simples, você pode desafiar as crianças de um jeito divertido e contribuir com o aprendizado matemático delas. Você vai precisar de papel, caneta e de 27 bolinhas coloridas, sejam elas tampinhas de garrafas, bolinhas de papel, lacres de refrigerante ou o que preferir. Separe as bolinhas em 3 grupos de 9 e pinte cada grupinho de uma cor: uma que vai representar as unidades, outra que vai representar as dezenas e outra que vai representar as centenas. Depois, escreva em tiras de papel os mais variados números que imaginar e embaralhe. Junto com a criança, pegue um papel, veja o número escrito, e peça para ela representar aquele número usando as bolinhas de unidades, dezenas e centenas. Prático, divertido e educativo! 

Jogo das argolas

O jogo das argolas é uma brincadeira tradicional das festas juninas. Mesmo que a época tenha passado, esse brinquedo, que consiste em acertar as argolas no alvo, nunca deixa de ser divertido. Você vai precisar de 4 garrafas (ou mais), água, folhas de papel usado (de revistas, rascunhos ou desenhos), fita crepe e uma caneta! Primeiro, encha as garrafas vazias com um pouco de água, mais ou menos até a metade, para deixá-las mais pesadas e firmes para a brincadeira. Pegue duas folhas de papel e enrole, de uma ponta a outra, amasse e cole as pontas de uma folha na outra usando fita e enrole, em formato de círculo, para fazer as argolas. Faça quantas quiser e no tamanho que preferir! Quanto menor, mais difícil fica o jogo. Depois, pegue pedaços de papel em branco e escreva à caneta uma quantidade de pontos que cada garrafa vai valer e cole usando fita. Agora, é só colocar as garrafas em diferentes distâncias e brincar com a família inteira para ver quem faz mais pontos!

Tabuleiro de damas com tampinhas

O jogo de damas é uma brincadeira tradicional do mundo inteiro, e pessoas de todas as idades podem se divertir com ele. Para fazer seu próprio jogo, é bem simples: Pegue um pedaço de papel ou papelão e faça um desenho em formato quadrado e divida-o em 64 quadradinhos (8×8). Depois, pinte os quadradinhos de maneira intercalada, em duas cores diferentes. Agora, você precisa das suas peças de dama! Você vai precisar de 24 tampinhas de garrafa, 12 de cada cor. Se não tiver, pode pintar um pedaço de papelão, papel ou até lacres de latinha. É só jogar! 

Pebolim de caixa de sapato

O futebol é uma das paixões do nosso país e, por mais que estejamos todos dentro de casa, não é desculpa para não bater uma bola, mesmo que seja de um jeito diferente! Normalmente, o pebolim, ou totó, utiliza uma mesa grande, com muitas barras e que ocupa muito espaço. Na nossa versão, com apenas uma caixa de sapato, palitos, pregadores de madeira e uma bolinha, você pode fazer o seu próprio pebolim caseiro! Primeiro, pegue a caixa de sapato e remova a tampa. Recorte os dois menores lados da caixa, para que fiquem no formato de um gol. Depois, faça 4 furos nas laterais, de preferência todos com a mesma distância, e encaixe os palitos, de uma ponta a outra, para que funcionem como as barras de ferro que controlam os jogadores. Caso necessário, você pode colar dois palitos para aumentar o comprimento. Depois, é só prender os pregadores de madeira nos palitos: 2 pregadores em cada extremidade da caixa e 3 pregadores nos palitos do meio. Com isso, é só rolar a bola! Se quiser, você pode utilizar caixas maiores para fazer um campo mais longo, e pintar para simular um gramado ou estádio de futebol.

 

Caça-palavras 3D 

No período de alfabetização, o caça-palavras é um jogo incrível, que além de divertido, ajuda os pequenos a assimilarem as letrinhas e a formarem as palavras. Para fazer uma versão ainda mais divertida desse jogo, você vai precisar de um pedaço de papelão, papel, tampinhas de garrafa pet, elásticos de borracha e cola. Primeiro, pense nas palavras que seu filho vai buscar no caça palavras 3D. Escreva as letras ou sílabas que vai utilizar nessas palavras em pequenos pedaços de papel e cole nas tampinhas de garrafa. Depois, coloque as tampinhas na ordem correta, formando as palavras, em cima da sua placa de papelão. Na hora de brincar, é só contornar as letras e sílabas com o elástico, marcando a palavra encontrada. Não se esqueça de pintar e enfeitar o seu jogo! 

Violão reciclável

Quem nunca sonhou em ser um astro da música? Com apenas uma caixa de cereal, um rolo de papel toalha, fita adesiva e elásticos de borracha, você pode fazer seu próprio violão de brinquedo! Primeiro, faça um recorte em formato de círculo no topo da caixa de cereal, com o tamanho parecido ao rolo de papel e um no meio, bem na frente, onde normalmente fica o buraco de um violão. Insira o rolo de papel no buraco do topo da caixa e prenda bem firme usando fita adesiva (ou fita isolante se preferir), esse vai ser o braço do seu violão. Depois, faça pequenos cortes na ponta do rolo de papel, corte os elásticos borracha e encaixe-os nos cortes do rolo de papel, puxando até a base da caixa de papelão. Depois, para deixar bem firme, prenda novamente com fita. Agora, com as cordas de elástico, é só decorar o seu violão e tocar como preferir.

 

Xilofone de copos d’água

Você sabia que dá pra fazer música com copos d’água? Ao bater em um copo de vidro com um talher, emitimos um som. Porém, dependendo da quantidade de água dentro do copo, é possível criar sons mais graves ou mais agudos. Faça o teste! Pegue quantos copos preferir e preencha cada um com uma quantidade específica de água, desde um completamente vazio até um completamente cheio. Se quiser testar sons mais graves, você pode misturar sal na água para deixar o líquido ainda mais denso, alterando a sonoridade na hora da batida. Agora é só pegar dois talheres e comece a tocar o seu xilofone de copos d’água!  A brincadeira pode ficar ainda mais divertida se você utilizar corante para deixar cada copo com uma cor diferente!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top