skip to Main Content

5 dúvidas sobre o Período de Adaptação

O início da vida escolar é um momento delicado. A escola é o primeiro ambiente diferente que as crianças têm de enfrentar sem a companhia familiar, e as incertezas deste período podem causar uma enorme insegurança, tanto para os pequenos, quanto para as famílias. Ambos passam por um momento de construir novos vínculos, novos hábitos e estabelecer novas relações de confiança para enfrentar este desafio.


Segundo nossa Diretora Pedagógica do Infantil 1 ao 2° ano, Dami Cunha, “é um  processo que precisa ser entendido e cuidado de forma especial”, de maneira que os pequenos e seus familiares se sintam seguros e conectados afetivamente com a escola, sendo este um dos principais objetivos para o início do ano letivo.

1. Como funciona o período de adaptação?

Aqui na Santi, o Período de Adaptação é um momento para criar laços com a escola. Este momento, combinado com as famílias antes do início das aulas, apresenta uma programação com horários específicos para recebê-los, priorizando a construção de contextos e situações que favoreçam a interação do aluno com a escola, até que se sinta confortável com os novos colegas, em um novo ambiente. Afinal, é muito importante oferecer às crianças uma oportunidade de se adaptar e estabelecer novos laços de confiança nesse novo ambiente.

2. Quem participa do período de adaptação?

Este período é vivenciado por todos: crianças, escola e família. Todos os alunos de 1 ano e seis meses a 4 anos passam por esse período, seja pela mudança de turma, por mudança de escola, ou até por ser a primeira vez em um ambiente escolar. Nesse momento, os familiares também têm papel ativo, junto à Santi, de acompanhar os pequenos no início da rotina.

3. Quanto tempo dura o período de adaptação?

Depende! Os períodos de adaptação podem variar de acordo com a faixa etária. Para as crianças do Infantil I (T1, T2 e T3), por exemplo, este período tem a duração média de 7 dias, enquanto para alunos do T4, uma média de 5 dias. Mais importante do que isso, é essencial valorizar e observar as individualidades de cada aluno e cada família. Também, é necessário observar se esse tempo, estipulado previamente, é o suficiente para criar vínculos com a escola; e se as crianças já sentem segurança para encarar essa nova rotina sem a companhia de um adulto de referência. Desta forma, o período pode se adequar, de maneira a respeitar o tempo de cada criança.

4. Como esse processo é realizado?

O Período de Adaptação deve ser realizado de forma gradual. Inicialmente, as crianças passam um tempo curto na escola, que aumenta progressivamente, dependendo da faixa etária e, claro, das peculiaridades de cada aluno. No início, os pequenos são acompanhados de um adulto de referência que, também de forma progressiva, são afastados da rotina escolar da criança, conforme aumento de confiança neste novo ambiente. Durante este período, estimulamos os alunos a conhecerem as diferentes salas e instalações da Santi, para que explorem e se habituem a nova rotina nesse ambiente. No papel do educador, cabe como responsabilidade agir como a figura de referência, criando vínculos com os alunos para que estes se sintam confortáveis mesmo longe dos familiares. Além disso, são realizadas diversas atividades que aproximam os pequenos do dia a dia da escola e ajudam a criar uma visão positiva do que está por vir.

5. E para as famílias, quais cuidados a escola oferece?

Em resumo, o Período de Adaptação é um momento de parceria entre família e escola. A Santi realiza um atendimento muito próximo às famílias. Nossa coordenação busca discutir temas relevantes em relação à adaptação e aprendizado dos alunos, traz notícias frequentes, tira fotos e grava vídeos que podem ser compartilhados com os familiares para que se sintam confortáveis e seguros com a criançada. Afinal, não existe nada mais precioso do que famílias e crianças felizes e adaptados em suas rotinas. Para saber mais sobre este momento tão importante, temos um vídeo bem legal feito por nossa diretora, assista!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top