skip to Main Content

Comunidade Santi – A importância de manter a comunidade escolar próxima

2020 foi um ano repleto de incertezas e as mudanças repentinas no cotidiano escolar reforçaram, mais uma vez, a importância de manter uma relação de proximidade com nossos alunos, seus familiares e toda a nossa comunidade escolar. A possibilidade de contato frequente, criando oportunidades de integração e oferecendo suporte para que as crianças pudessem  continuar o dia a dia escolar da melhor maneira possível, foi fundamental. 

Uma comunidade escolar é composta por todos aqueles que, de alguma forma, fazem parte da rotina da escola, sejam eles professores, funcionários, alunos ou famílias. “A parceria entre todos estes elos que a compõem  traz benefícios a todos”, explica Dinah Crespo, Coordenadora de série do 3º ao 5º ano da Santi. “É essencial que todos se sintam pertencentes a esta comunidade, como parte importante deste grande grupo”. A ideia de manter uma relação próxima da comunidade escolar e daqueles que a compõem é reforçar o contato desses indivíduos com o ambiente da escola, com os projetos desenvolvidos e cultivar vínculos de amizade, confiança e participação entre família e escola, buscando sempre a manutenção do bem-estar. “É como um organismo vivo, localizado em um ambiente que é vivo também”, relata Dinah. “Pensando que a escola é este ambiente em que todos fazem parte, que se relacionam, é importante o bem-estar de todos”

Aqui na Santi, a comunidade escolar é muito importante para que possamos fortalecer laços com os alunos e proporcionar momentos de troca e aprendizado com suas famílias. Acreditamos que, ao conhecer todos de perto e ao nos aproximarmos daqueles que fazem parte do nosso entorno, é possível uma boa parceria com os familiares dos nossos alunos, elaborar novas propostas, identificar pontos de melhora e, claro, proporcionar experiências cada vez mais significativas para que as crianças e adolescentes da nossa comunidade vivam a escola de forma mais rica e potente. “Os alunos ganham quando a família e a escola seguem os mesmos princípios, estão juntas nesta caminhada da educação, que é algo complexo e acontece a longo prazo”, explica Dinah. “Isso traz segurança para as famílias, que também nos procuram para dividir as questões, para pensarmos juntos”. 

Ao conhecermos cada um dos alunos, suas famílias e entendermos um pouco mais sobre a realidade de quem nos acompanha no dia a dia, formamos uma comunidade escolar verdadeiramente próxima e participativa. 

Rotineiramente, realizamos eventos, estudos coletivos, festas, oficinas, gincanas e rodas de conversa para discutir as principais questões do dia a dia da infância e da adolescência. Um exemplo é o nosso tradicional Santi Forma Pais, em que as famílias dos nossos alunos são convidadas para conversar sobre diversos assuntos ligados à formação integral de seus filhos. “Consideramos fundamental termos a comunidade envolvida no nosso cotidiano e, sempre que possível,  convidamos pessoas da comunidade para participar do nosso dia a dia”, conta Dinah. 

Mesmo durante a pandemia, muitas dessas atividades continuaram acontecendo on-line, trazendo vários momentos lúdicos de interação e diversão, como os Sábados com a Santi em Casa e a nossa Oficina de Férias, ambos completamente virtuais. “Manter um bom clima nas relações, de forma transparente, segura, afetiva são coisas importantes para que todos estejam de fato bem”, aponta Dinah. “Aqui todos entendem que o bem-estar de todos é realmente importante e formam esta comunidade colaborativa e parceira”, finaliza. 

Quer saber mais sobre como a Santi cultiva relações com a comunidade escolar? Entre em contato com a gente! Nossa equipe pedagógica terá o prazer de contar um pouco mais sobre o jeito Santi de ensinar!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top