skip to Main Content

39º FormaSanti-pais – Como entender seu filho pré-adolescente

Ops, tem um pré-adolescente na minha casa!

Auditório cheio para ouvir as dicas da jornalista e escritora Daniela Tófoli sobre como lidar com as questões inerentes a pré-adolescência, afinal, é nesta idade que, segundo ela, acontecem as mais significativas mudanças no cérebro, físicas, comportamentais e escolares. “Eles não são inconstantes, desatentos nem desajeitados, o cérebro está a mil e eles não conseguem focar nem se entender direito”, disse.

 

Durante toda a conversa, algumas famílias se apresentaram aflitas por, entre outras questões, não saberem lidar com tantas mudanças em tão pouco tempo, em estabelecer um limite entre o que é ou não permitido nesta idade, em como manter a tecnologia disponível sem que afete outras áreas de suas vidas.

Por isso, nesta fase, o acompanhamento dos pais precisa ser muito próximo, principalmente porque, segundo Daniela, é neste momento que as famílias constroem os principais laços que perpetuarão até a adolescência, fase que já não há tanta escuta e abertura por parte deles aos pais.

Daniela foi enfática ao dizer que é preciso dar uma atenção especial a temas como bullying, ansiedade, depressão e vida digital. “É preciso ter regras claras sobre o uso da tecnologia: combinar onde e por quanto tempo o smartphone pode ser usado diariamente, ensinar que, antes de postar algo, explicar que conversas importantes não devem acontecer por mensagens – enfrentar situações desconfortáveis. Saber a senha de seu filho, desde que combinado, não é invasão de privacidade na pré-adolescência”, compartilhou.

Ao final, a jornalista trouxe dados sobre o trabalho do futuro e como precisamos valorizar habilidades que os robôs não conseguirão desenvolver, tais quais: criatividade, resiliência, capacidade de trabalhar em grupo e maturidade emocional.

Esta palestra integra o programa de formação de pais que a Santi realizada periodicamente à comunidade escolar e convidados. Fique de olho em nosso sites e mídias sociais para participar das próximas conversas.

Quer saber mais sobre esse assunto? Confira aqui a introdução do livro da jornalista, Daniela Tófoli.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top